Home Notícia Conheça os encantos e as histórias de Santa Rita do Passa Quatro, SP

Conheça os encantos e as histórias de Santa Rita do Passa Quatro, SP

6 leitura min
0
670

Cidade reúne diversas opções de lazer e é uma boa alternativa para as férias.

Igreja Matriz tem belos vitrais (Foto: Felipe Lazzarotto/EPTV)
Igreja Matriz tem belos vitrais do artista ítalo-brasileiro Nicolau José Biagini (Foto: Felipe Lazzarotto/EPTV)
A cidade de Santa Rita do Passa Quatro (SP) oferece diversas opções gratuitas de lazer e é uma boa alternativa para as férias por unir cultura, belezas naturais e, claro, muita diversão.

Os encantos começam na Igreja Matriz. Construída na segunda década do século 20, ela foi restaurada de 2005 a 2009 e possui mais de 40 vitrais coloridos e delicada pintura do artista ítalo-brasileiro Nicolau José Biagini. Uma beleza que atrai turistas e moradores.

“Nasci aqui, fui criada aqui, batizada, fiz a primeira comunhão e fui crismada. Eu me sinto muito bem dentro da igreja e venho. Relembro muitas coisas aqui dentro”, comentou a funcionária pública Sandra de Souza Caçapava. Nascida em Santa Rita, ela agora mora em Pirassununga, mas quando visita a família não deixa de passar pela Matriz.

Outra atração é o Museu Zequinha de Abreu, dedicado a José Gomes de Abreu, o compositor de Tico-Tico no Fubá.  No passeio, é possível apreciar objetos pessoais do compositor, como a certidão de batismo, e ainda passear por reproduções dos cômodos de sua casa.

Tantos detalhes agradaram o guarda civil metropolitano Marcos Antônio de Araújo, de São Paulo. “Poder passar para os meus filhos, para os meus netos o conhecimento a respeito do Zequinha de Abreu e do museu em si, tudo que corresponde à vida de Zequinha de Abreu e sua banda, as pessoas que tocavam junto com ele”.

Quem prefere aventuras também tem opções na cidade. Uma delas é o Deserto do Alemão, formado pela ação da natureza.  “É uma voçoroca, que é um fenômeno geológico em que a vegetação não protege mais o solo e a água da chuva forma grandes buracos. o pessoal vem para se divertir, para escorregar na areia, correr, andar pelo riachinho”, contou Cristiana Medeiros, chefe de setor de turismo.

Já para quem busca paz, o Morro do Itatiaia é ideal, com seu Cristo Redentor de 22 metros de altura e uma visão panorâmica do vale do Rio Mogi. “É uma sensação gostosa, de paz, espiritualidade boa, transmite serenidade, muita calma e isso faz a gente esquecer o correr do dia a dia, é muito bom”, avaliou o advogado André Leandro Rodrigues.

O relaxamento também é um ponto forte da Cachoeira Três Quedas, localizada no Córrego Passa Quatro, que dá nome à cidade. “Nesse calor a gente tem que aproveitar bastante, curtir a natureza”, opinou um dos turistas. Para se banhar é preciso descer quase 400 degraus, mas a tarefa é recompensadora, segundo o empresário Valdemar Serrano. “Vale a pena. É uma natureza linda”.

Tem mais
Outros pontos turísticos são a casa de força da antiga usina hidrelétrica da cidade, que começou a ser construída em 1895, e o Parque Estadual Vassununga. A área verde é considerada a unidade de conservação que melhor reflete a situação de cobertura florestal do interior de São Paulo. Um espetáculo para os olhos.

Parque Estadual Vassununga reflete a cobertura florestal do interior paulista (Foto: Felipe Lazzarotto/EPTV)Parque Estadual Vassununga reflete a cobertura florestal do interior paulista (Foto: Felipe Lazzarotto/EPTV)

Fonte – G1 São Carlos e Araraquara
Carregar mais artigos relacionados
Carregar mais por Copa Soul
Carregar mais em Notícia

Deixe uma resposta

Connect with:




O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também

Inscrições abertas para a 3º Etapa (Final) Copa SOUL MTB SP

SUPERAÇÃO !!! Usamos bastante esta palavra nas etapas, mas agora vamos usar para expressar…